.: Prefeitura De Araguaina :.
Segunda-feira, 16 De Maio De 2022 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 23ºC | Máxima: 33 ºC
prefeitura de araguaina

Cidadão Empresa Servidor Turista   Site leilao de Imveis



campanhas





NOTÍCIAS

Educação faz levantamento para traçar perfil familiar de alunos da Rede Municipal de Ensino

Publicado: Data: 17/04/2020 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Pesquisa faz parte das ações de combate à covid-19 e pretende descobrir em quais e em quantos lares existem pessoas que estão no grupo de risco da doença

 

Por: Adriana Santana | Foto: Marcos Sandes/Ascom 

A Prefeitura de Araguaína, por meio da Secretaria Municipal da Educação, iniciou esta semana um levantamento para traçar o perfil das famílias que possuem crianças matriculadas na Rede Municipal de Ensino. A pesquisa feita on-line, por meio do preenchimento de um questionário, é enviada aos pais ou responsável pelos alunos via telefone e faz parte das ações municipais de combate à covid-19.

“Nosso objetivo com essa pesquisa é saber quem são e em que situação estão os moradores dos lares onde nossos alunos estudam. É mais uma estratégia para descobrirmos onde se encontram as pessoas que fazem parte do grupo de risco da covid-19, como os idosos acima de 60 anos e outros. Esses dados vão contribuir para o trabalho preventivo que estamos realizando no Município”, destacou o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas.

Com funciona

A pesquisa vai investigar os membros da família de mais de 21 mil alunos de creches e escolas do Município. O formulário chega ao pai ou responsável, por meio de uma mensagem pelo WhatsApp enviada pela direção da unidade de ensino, que a criança está matriculada.

“Aqueles pais que não possuem acesso à internet estão preenchendo os dados por ligação. A equipe da escola ou creche faz a ligação e ali juntos já vão respondendo aos dados, a orientação é de que ninguém deixe de preencher o questionário”, disse o secretário municipal da Educação, José da Guia.

Para os responsáveis que realizarem o preenchimento via formulário virtual as informações serão salvas diretamente no banco de dados da Secretaria Municipal da Educação.

Das informações

Além dos dados pessoais do aluno, a ficha solicita também a informação da presença ou não de pessoas acima de 60 anos naquela residência, e se possui ainda na casa, alguém com doenças como pressão alta, diabetes, problemas no coração, asma ou outro problema respiratório. Em caso de respostas positivas para as perguntas é preciso informar a identidade da pessoa.

Até agora, segundo levantamento da secretaria, aproximadamente nove mil formulários já foram respondidos. A previsão é de que esses dados sejam repassados à Secretaria Municipal da Saúde até o início do mês de maio.

"Esses dados são muito importantes e por isso pedimos que sejam respondidos, porque além de traçarmos um perfil mais consistente do público que atendemos neste momento de pandemia, servirão para nortear ações futuras, seja para contribuir em outros momentos com o trabalho da saúde ou para a elaboração de ações pedagógicas e estratégias otimizando os serviços prestados aos nossos educandos e familiares”, concluiu o secretário.

Publicado: Data: 17/04/2020 Autor:Ascom







voltar