.: Prefeitura De Araguaina :.
Domingo, 05 De Julho De 2020 |    CLIMA: Sol com algumas nuvens. Nao chove. | Mínima: 20ºC | Máxima: 34 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Pais adaptam garagem de casa para seguir rotina de estudo remoto com os filhos durante pandemia

Publicado: Data: 26/06/2020 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

A garagem foi modificada com material reciclado para lembrar a sala de aula das crianças. A mãe Heid Karla mantém rotina diária que os filhos viviam Centro de Educação Infantil (CEI) Antônio Raimundo Costa 

 

Por: Adriana Santana | Foto: Marcos Sandes/Ascom

 

“Meus filhos adoram a creche e, para amenizar a saudade diária que eles sentem dos coleguinhas e da professora, decidimos fazer da nossa casa uma extensão dela, por isso, transformamos a garagem na sala de aula deles e tem dado muito certo”, contou a Heid Karla Pereira, mãe dos pequenos João Ricardo, de 4 anos, e Maria Antônia, de 2.

As crianças são alunos do Centro de Educação Infantil (CEI) Antônio Raimundo Costa, no Setor Couto Magalhães, e desde março, por causa da pandemia da covid-19, tiveram as aulas suspensas, com o retorno por meio de apostilas neste mês. João Ricardo é aluno do maternal II e Maria Antônia está no maternal I.

Os pais contaram que foi preciso um bom tempo de conversa com os filhos para que compreendessem porque precisariam ficar em casa e passar a estudar longe da professora e dos amiguinhos. “Eles são muito espertos, apesar da pouca idade, por isso fomos de forma lúdica explicando que precisaríamos, por alguém tempo, ficar em casa para que não tivéssemos 'dodói' pelo corpo e não ter que ir para o hospital”, completou Heid.

Desafios

Heid relatou que são vários os desafios para manter os filhos concentrados nas atividades remotas enviadas pela Secretaria Municipal da Educação, por meio da cartilha elaborada pelas professoras das turmas. Manter os filhos concentrados nas tarefas, estando em casa, é uma delas.

“Com o João Ricardo a dificuldade é ainda maior porque ele tem o Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperativismo (TDAH), então é necessária muita estratégia para que ele se mantenha atento às lições. No caso da Maria Antônia as dificuldades são as normais para a idade”, concluiu a mãe.

Rotina

Para driblar a dificuldade comuns da maternidade e casa, a universitária optou por traçar rotinas, mantendo o mesmo cronograma diário de antes da pandemia. Como os filhos ficam pela manhã na creche, o horário da aula permanece e também a dinâmica vivenciada na creche.

“Como meu esposo trabalhando dia todo, em home office, decidi me organizar e traçar uma rotina para não sobrecarregar tanto, não me perder com eles e ainda não prejudicar o trabalho do marido. Manter a organização como se eles tivessem na aula tem sido importante, afinal, eles não podem perder o ritmo, afinal, não sabemos quando tudo isso vai passar”.

Aprendizado mútuo

A mãe destacou que a nova realidade tem gerado mudanças em toda família.  Cumplicidade, união e organização estão ganhando força nesse período em que precisam ficar em casa.

“Hoje, vejo o quanto é importante e linda a missão dos professores, toda atenção e cuidado que dedicam aos meus filhos, se já os admirava agora então o carinho por esses profissionais, e por todos os colaboradores da creche, aumentou”, reforçou Heid.

Atividades remotas

Desde o dia 17 deste mês, a Secretaria Municipal da Educação está entregando material pedagógico imprenso para ser desenvolvido em casa durante a suspensão das atividades presenciais, necessária para prevenção da disseminação do novo coronavírus. O material está sendo distribuído aos mais de 21 mil alunos das creches e escolas matriculados na rede municipal de ensino.

Publicado: Data: 26/06/2020 Autor:Ascom







voltar